• Joseane Terto

Mapas conceituais nos anos iniciais. É possível?


Em tempos de pandemia muitas foram às indicações de uso de novas tecnologias para o processo de ensino-aprendizagem, tais como: vídeos, podcasts, games e tantos outros recursos.


Mas, hoje vamos indicar uma proposta de trabalho com o uso de Mapas Conceituais como estratégia a ser utilizada com seus alunos do Ensino Fundamental Anos Iniciais, desde que estejam alfabetizados, para que você possa compreender as aprendizagens elaboradas por eles sobre um determinado conteúdo apresentado favorecendo o agir autônomo ao rever os conceitos aprendidos na elaboração do mapa conceitual.


Ao final deste texto, você encontrá um Plano de Aula com o uso de Mapas conceituais como possibilidade de verificar os conhecimentos construídos pelos alunos, a respeito de um de determinado conteúdo ensinado.


A técnica foi criada na década de 1970 por Joseph Novak, na Universidade de Cornell, nos Estados Unidos e contribui muito para que os alunos possam dar significado aos conteúdos ao relacionar as informações recebidas. Novak apresenta a teoria de Ausubel como fundamentação para esta técnica cognitiva, que propõe a criação de situações novas para aprender de modo significativo. 

Quando falamos de Mapas Conceituais não estamos apenas falando de representações visuais que relacionam as ideias, em que os conceitos são retratados em círculos e caixas unidas por linhas ou setas conectando tais assuntos, mas numa “estratégia pedagógica que tem se destacado nos processos de consolidação do conhecimento por conta de sua versatilidade ao promover transformações na estrutura cognitiva por estímulos adequados à aprendizagem” (MOUSINHO, 2020, p. 18).


Esta ferramenta de estudo e aprendizagem pode ser utilizada tanto nas aulas presenciais como nas aulas à distância, pois possibilita ao estudante organizar um conceito com a criação de um mapa conceitual em que deverá classificar e hierarquizar o conhecimento aprendido.



Nas escolas é possível perceber as dificuldades que os estudantes apresentam ao tentar compreender e elaborar conceitos e o uso dos mapas conceituais favorece na organização e sistematização no ato de conceituar algo.

Os mapas conceituais podem ser elaborados de modo bem simples numa cartolina, mas também serem aprimorados com os recursos oferecidos pelas novas tecnologias, como o software Cmap Tools.


Para utilizarmos o trabalho com Mapa Conceitual nas aulas dos alunos dos Anos Iniciais, o professor precisa fazer uso de exemplos, mostrando alguns desenhos de mapas conceituais já prontos, construir outros mapas conceituais com a turma, passo a passo, de modo a mediar várias situações didáticas e concretas para o aluno aprender para depois destas várias experiências de aprendizagem, este estudante se depare com o desafio de construir mapas conceituais de modo mais autônomo e individual.


Para realizarmos estas atividades com estudantes do Ensino Fundamental é importante separar alguns materiais, tais como: cartolinas, canetinhas esferográficas, régua, imagens sobre o conceito a ser trabalhado e livros didáticos de apoio para pesquisa ou uso de recursos de pesquisa na internet.


Como propor a organização de um mapa conceitual:


1) Coloca-se o conceito escolhido no centro do papel (cartolina).

2) Como a construção de um mapa conceitual começa com verbos de ligação, podemos facilitar apresentando algumas perguntas aos alunos e suas respostas em uma única palavra ou frases simples sejam apresentadas no mapa.

3) Perguntas norteadoras que estejam relacionadas ao que iremos apresentar do conceito: o que é? De onde vem? Do que é composto? O que fazemos com...? O que me lembra? Veja o exemplo abaixo:



Fonte: MOUSINHO, 2020, p. 28

Ao estruturar o mapa o aluno pesquisa e estabelece mais relações ao conceito, tornando-o mais elaborado e mais complexo, de acordo com as pesquisas realizadas.


É interessante o professor propor esta atividade em dupla sobre o mesmo conceito, depois compartilhar os mapas conceituais elaborados e perceber que durante a construção do mapa conceitual o aluno exercita sua capacidade de relacionar os conhecimentos aprendidos e pesquisados e com a troca dessas informações montarem coletivamente um mapa conceitual a partir de todas as informações trazidas pela turma.


Os mapas conceituais ajudam na construção e sistematização de um conceito, na resolução de problemas e nas dúvidas que os estudantes apresentam a respeito de um determinado conhecimento, além de organizar a aprendizagem dos conceitos aprendidos ao realizar o mapeamento.



Portanto, uma ferramenta de aprendizagem bastante interativa e dinâmica que leva os aprendizes a construção de conceitos de forma autônoma e consciente de seu processo cognitivo, favorecendo a interação entre a turma e o compartilhamento de conhecimentos tão importantes para os dias atuais.



Plano de aula: o uso consciente da água


Componente curricular:

  • Língua Portuguesa

  • Ciências

Ano: 5º ano do Ensino Fundamental


Tempo sugerido: 90 minutos (duas aulas)


Competências

Pensamento científico, crítico e criativo: exercitar a curiosidade intelectual e recorrer à abordagem própria das ciências, incluindo a investigação, a reflexão, a análise crítica, a imaginação e a criatividade, para investigar causas, elaborar e testar hipóteses, formular e resolver problemas e inventar soluções com base nos conhecimentos das diferentes áreas.


Cultura digital: utilizar tecnologias digitais de comunicação e informação de forma crítica, significativa, reflexiva e ética nas diversas práticas do cotidiano (incluindo as escolares) ao se comunicar, acessar e disseminar informações, produzir conhecimentos e resolver problemas.


Campo de atuação

CAMPO DAS PRÁTICAS DE ESTUDO E PESQUISA: Campo de atuação relativo à participação em situações de leitura/escrita que possibilitem conhecer os textos expositivos e argumentativos, a linguagem e as práticas relacionadas ao estudo, à pesquisa e à divulgação científica, favorecendo a aprendizagem dentro e fora da escola.


Gênero Textual: Mapa conceitual.


Objeto do conhecimento:

  • Compreensão (Língua Portuguesa).

  • Imagens analíticas em texto (Língua Portuguesa).

  • Analisar as implicações do ciclo hidrológico na geração de energia elétrica, no provimento de água potável e no equilíbrio dos ecossistemas regionais (ou locais). (Ciências)


Habilidade(s) da BNCC

(EF15LP07) Editar a versão final do texto, em colaboração com os colegas e com a ajuda do professor, ilustrando, quando for o caso, em suporte adequado, manual ou digital.


(EF15LP08) Utilizar software, inclusive programas de edição de texto, para editar e publicar os textos produzidos, explorando os recursos multissemióticos disponíveis.


(EF05C102) Aplicar os conhecimentos sobre as mudanças de estado físico da água para explicar o ciclo hidrológico e analisar suas implicações na agricultura, no clima, na geração de energia elétrica, no provimento de água potável e no equilíbrio dos ecossistemas regionais (ou locais).


Orientações de Desenvolvimento:


1ª AULA

1º) O professor faz uma tempestade de ideias, a respeito do tema ÁGUA, a partir do uso das seguintes imagens (ÁGUA DE UM RIO LIMPO E GRANDE, por exemplo da AMAZÔNIA)/ (DO RIO TIETÊ ANTES DA POLUIÇÃO E DEPOIS DE POLUÍDO)/ (FOTO DE UMA NASCENTE DE RIO)/ (FOTO DE ÁGUA DE TORNEIRA). Com isso anote as palavras ditas pelos alunos e discutir as diferenças que notamos entre as imagens disponibilizadas (momento de tempestade de ideias).

2º) Propor algumas indagações sobre a água e os usos possíveis da água e solicitar que os alunos organizem como estas informações nas pesquisas e que juntos possam montar um mapa conceitual da água.

3º) Organizar coletivamente um mapa conceitual da ÁGUA com as seguintes relações:

  • composição química da água;

  • estados físicos da água;

  • de onde vem?;

  • deve ser;

  • para que serve.

Exemplo:


Fonte: https://images.app.goo.gl/EmwMcjvoKdBr4gWt9



4º) Propor que os alunos façam uma pesquisa para complementar o MAPA CONCEITUAL, inserindo ONDE A ÁGUA É UTILIZADA? E, assim, complementar o mapa que iniciamos em sala de aula.

5º) Em seguida, antes do termino desta aula o professor pode apresentar este cartaz que fala sobre EVITE O DESPERDÍCIO e sugerir que os alunos façam uma lista de quais ações eles poderão adotar para diminuir a conta de água de sua casa.



TRAGA NA PRÓXIMA AULA: O mapa conceitual com os complementos inseridos dos usos da água e um demonstrativo da sua conta de água.

2º AULA

1º) O professor solicita aos estudantes o que inseriram no MAPA CONCEITUAL a respeito dos usos da água- pode ser que tenha acrescido sobre o abastecimento humano (beber, tomar banho, cozinhar, lavar objetos), agricultura e criação de animais (dar de beber ao gado, irrigar cultivos, lavar instalações etc.), indústrias e estabelecimentos comerciais e de serviços, navegação, pesca e aquicultura, geração de energia e outros.

2º) O professor apresenta que o tema da aula se relaciona ao Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) 6, que trata do uso da água. Apresentar o objetivo e seu símbolo. Discutir com os alunos qual o nosso papel para contribuirmos com o alcance deste objetivo?


3º) Após esta apresentação, o professor deve destacar que para melhorar a gestão da água e do saneamento devemos contar com a participação das comunidades locais, isto é, cada um de nós em suas casas e com isso, vamos apresentar a lista que preparamos para evitar o desperdício de água em casa. Retomar a imagem do EVITE DESPERDÍCIO novamente com os estudantes.

4º) Diante disso, o aluno deverá analisar a sua conta de água. Para isso o professor deverá junto com os alunos localizar informações na conta e encará-lo como um relatório que traz muitas informações importantes. Material de apoio para a aula.


Manual do usuário SABESP: https://bit.ly/39kp1PA

5º) Propor aos alunos criarem uma tabela para controle e visibilidade de economia que resulte numa mudança no valor da conta de água. Marque com um X na tabela abaixo as ações que conseguiram realizar durante o mês e se conseguiram sensibilizar os moradores da sua casa para isso. Construa um cartaz, assim verão se houve ou não diminuição no valor da conta de água e possam se animar para cumprir metas e alcançar objetivos, além de ajudar o planeta.



Elaborado por:


Profa. Valéria, doutora em Educação pela PUC-SP. Diretora Pedagógica na Apliqueducação onde cria e desenvolve jogos de alfabetização baseados em evidências de pesquisa por conta de sua longa e sólida experiência em sala de aula no Ensino Fundamental, incluindo o trabalho de com alunos da Educação Especial.





0 visualização

Assine nossa newsletter e fique por dentro!

© 2019 por Apliqueducação.

CONTATO

WhatsApp: 11 99667 8051

E-mail: contato@apliqueducacao.com.br

  • LinkedIn ícone social
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram